COMO SABER SE O PRODUTO É REALMENTE DE COURO?

Peças de couro são muito charmosas e nunca saem de moda, não é? A matéria-prima é de origem animal e traz como principal característica a alta durabilidade. No entanto, também existe a versão sintética, normalmente produzida a partir de derivados de petróleo, Como essa última dura menos, é importante saber como identificar uma peça legítima para não comprar um acessório sintético com preço original.

Visualmente podem até ser parecidos, mas se não forem legítimos, dentro de pouco tempo você começará a notar áreas descascadas ou esfareladas. Aprenda a diferenciar a matéria-prima natural e sintética.


Manuseie a peça

O primeiro passo é manusear a peça. Toque a superfície e confira se há ranhuras naturais, cicatrizes, rachaduras, que sempre existem, já que estamos falando de pele animal. Assim como nossa pele os animais possuem características singulares com relação à tonalidade, textura e espessura, então, é esperado que o material tenha uma textura mais irregular do que no caso da versão sintética.


Teste de flexibilidade

Veja se há um bom acabamento e se é maleável. O verdadeiro couro é altamente flexível devido às várias etapas do processo de tratamento. Já o sintético pela fibra artificial, pode ser mais rígido e menos elástico e, por isso, não se ajustar tão bem a estética final do produto.


Veja a etiqueta

Nas etiquetas e tegs, normalmente há a informação de que o material é "100% couro legítimo", ou "real leather" ou ainda "genuine leather" para peças importadas. Inclusive a matéria-prima original é a única que pode receber o nome de couro, de acordo com a Lei 4.888/1965.


Veja o avesso

Uma peça legítima apresentará o avesso também em couro. Será um couro com menos acabamento, mas ainda é couro. As peças sintéticas apresentam uma espécie de malha onde o material sintético é "colocado"por cima.


Sinta o aroma

Por fim, a "dica de ouro"é: sinta o aroma. O couro natural tem um cheiro característico. Afinal, ele é pele animal. Essa característica resiste a todos os processos de tratamento do material, portanto, é uma boa forma de tirar a dúvida definitivamente.